A Intel está presente na Computex de 2017 e decidiu neste evento apresentar a sua nova linha, a X-Series. Na apresentação a estrela da companhia foi o poderoso i9, um processador que dependendo da versão poderá ter 18 Cores.

Além deste i9, a Intel apresentou outros processadores dedicados ao gaming.

Este ano a Intel surpreendeu completamente, em especifico com os novos 5 processadores i9, com no mínimo 10 cores, sendo o i9-7980XE o topo da linha com os seus 18 cores. Em simultâneo a Intel apresentou também 3 processadores i7 e um i5.

Os Core X-series serão processadores Core i5, i7, i9 e i9 Extreme. São baseados na arquitetura Skylake-X, variante da que equipa a geração de chips Xeon para servidores e workstations. Cada núcleo tem 1 megabyte de cache L2 (contra 256 KB dos Broadwell-E e Skylake), e a tecnologia Turbo Boost que aumenta a frequência dos dois núcleos mais exigidos.

Lista dos processadores apresentados abaixo.

  • Core i9–7980XE: 18 núcleos, 36 threads, TDP de 165W (US$ 1.999)
  • Core i9–7960X: 16 núcleos, 32 threads, TDP de 165W (US$ 1.699)
  • Core i9–7940X: 14 núcleos, 28 threads, TDP de 165W (US$ 1.399)
  • Core i9–7920X: 12 núcleos, 24 threads, TDP de 165W (US$ 1.199)
  • Core i9–7900X: 10 núcleos, 20 threads, 3,3 GHz, TDP de 140W (US$ 999)
  • Core i7–7820X: 8 núcleos, 16 threads, 3,6 GHz TDP de 140W (US$ 599)
  • Core i7–7800X: 6 núcleos, 12 threads, 3,5 GHz, TDP de 140W (US$ 389)
  • Core i7–7740X: 4 núcleos, 8 threads, 4,3 GHz, TDP de 112W (US$ 339)
  • Core i5–7640X: 4 núcleos, 4 threads, 4,0 GHz, TDP de 112W (US$ 242)

Os processadores têm socket LGA 2066 e são desbloqueados para overclock. Estes funcionarão com o chipset Intel X299, que suporta memórias Optane, três SSDs PCIe/NVMe, oito portas SATA e dez USB 3.1 de primeira geração. Tanto os processadores como os chipsets das boards serão lançados nas próximas semanas.

Além de anunciar os poderosos Skylake Series X, a Intel ainda aproveitou para mostrar alguns detalhes da nova geração de processadores, os Coffee Lake, nome dado à oitava geração de processadores Core. Estes serão lançados na segunda metade de 2017, e promete ser até 30% mais rápido que os atuais Kaby Lake.

Anúncios