Como aprendi um idioma em 90 dias

Tornar-se bilíngue abre um novo universo de pessoas, culturas e emoções diferentes. Isso também pode ser um grande consumidor de tempo — ao qual a maioria de nós não pode se dedicar. Mas e se a fluência estivesse apenas a 90 dias de distância? Maneesh Sethi conta como isso é possível.

 

Os benefícios de aprender outro idioma

Aprender um segundo idioma traz muitos benefícios cognitivos. Por exemplo, sabe-se que isso posterga o Alzheimer, melhora o poder cerebral, reduz os preconceitos cognitivos e até aumenta a concentração e a habilidade de se desligar de distrações. Mas, mais do que efeitos cognitivos, a habilidade de falar um outro idioma tem uma tonelada de benefícios sociais. É muito legal conseguir pedir comida no idioma nativo do garçom, escutar amenidades das outras pessoas no elevador ou impressionar nativos com isso e entendê-los.

A coisa mais legal de aprender um segundo idioma é que ele torna o aprendizado do terceiro, quarto ou quinto idiomas muito mais fácil. O desafio não está em aprender um novo idioma, mas em aprender como aprender um idioma. Uma vez que você conheça as técnicas, você será capaz de aplicar os mesmos padrões gramaticais e técnicas de linguagem em cada novo idioma que for aprender.

Por que a maioria das pessoas está errada sobre o aprendizado de idiomas

Eu estudei espanhol por muitos anos no Ensino Médio e até mesmo tirei boas notas nos exames nacionais. Mas um dia, quando eu precisei falar pra valer o idioma, de repente caí em mim: quatro anos estudando espanhol na escola e eu não consigo sequer pedir um burrito. O que deu errado? De acordo com os testes de padronização oficiais, eu era um expert em espanhol. Mas eu era incapaz de realizar uma das mais básicas tarefas!

O fato é que não nos ensinam idiomas da maneira ideal. Os alunos estudam idiomas em grandes grupos e pensam que um pouco de dever de casa e exercícios de gramática são o bastante para aprendê-los. Ainda assim, quase nenhum deles aprende de verdade o idioma. Na realidade, ao responder a listas de tarefas, nós estamos praticando apenas para aquilo — para listas de tarefas. Mas se você quiser aprender a falar, bem… você precisa praticar falando.

Quando vejo pessoas tentando aprender a falar um idioma através de um livro, ou algum site, eu tento mostrar a elas que não conseguirão atingir seus objetivos por esses caminhos. Se você quer falar, você tem que praticar a fala. E se você quiser falar um idioma rapidamente, bem, você tem que começar a falar. Muito.

A estratégia básica do aprendizado rápido de idioma

Aprender um idioma pode ser assustador, então darei uma visão panorâmica da estratégia geral antes de entrarmos nos pontos específicos.

Eis o que temos:

1. Consiga os recursos certos para aprender: um livro de gramática, um software de memorização e filmes/livros.

2. Consiga um professor particular: você quererá um por pelo menos um mês. Eu recomendo quatro horas/dia.

3. Tente falar e pensar apenas no novo idioma: toda vez que você não conseguir se lembrar de uma palavra, coloque aquela palavra em seu software de memorização. Pratique seu vocabulário diariamente.

4. Encontre amigos, colegas e outros falantes do novo idioma: quando você estiver apto a ter conversas básicas com seu professor particular, você precisará encontrar outros parceiros. Se você ainda não tiver, pense em ir até o país onde o idioma é falado. Considere uma classe/turma. Pratique continuamente. Pare de falar português.

Esta é a estratégia básica. Novamente, essa estratégia é intensiva, porque aprender um idioma em três meses é uma tarefa difícil. Se você preferir aprender o idioma mais devagar, ou não tem a opção de ir até outro país e praticar 4~8 horas por dia, então pode modificar o plano. Entretanto, é extremamente importante praticamente todos os dias — 20 minutos por dia é muito melhor do que duas ou três vezes por semana.

Os recursos de que você precisar para aprender um idioma

Para aprender um idioma, você precisará de alguns itens para praticar. Aqui estão os recursos que eu sempre uso:

Um bom livro de gramática. Isso é essencial se você quiser aprender um idioma. Eu recomendo a série Essential Grammar da Dover (em inglês): são livros baratos, concisos e completos.

Um livro de frases. É parecido com um dicionário, mas para frases. Você pode começar memorizando sentenças e frases completas, e naturalmente aprenderá as palavras individuais. Falarei mais sobre táticas de memorização daqui a pouco.

Um dicionário online. Para a maioria dos idiomas romanos, recomendo o Word Reference. Para o alemão, tente o dict.cc. O Google Tradutor também pode ser útil, mas ele pode se tornar uma muleta. Use-o com moderação.

Um app de memorização. Você tem que memorizar o vocabulário. Eu sempre coloco novas palavras no meu app e as pratico toda noite. Se você estiver num Mac, dê uma olhada noGenius. Ele usa técnicas de espaçamento de tempo para testar nosso conhecimento. Você será aleatoriamente questionado sobre palavras e frases que está tentando aprender e, quanto mais repetir um erro, mais você será testado. Eu recomendo colocar o português em uma coluna à esquerda e o idioma desejado à direita, assim você aprenderá a falar em um novo idioma, não a traduzir para ela. Se você estiver no PC, ouvi coisas boas sobre o Anki.

Um professor. Eu recomendo fortemente ter um professor particular, de algum anúncio online ou de uma escola de idiomas. Porém, se você não conseguir encontrar ninguém na sua região ou achá-lo muito caro, dê uma olhada no Edufire. É um site que permite a você ter aulas particulares e em grupo via Internet.

Parceiros de idioma gratuitos. O Mixxer é uma fonte incrível. É um site que permite a você conectar, via Skype, com parceiros de idioma de todo o mundo. Apenas escolha o seu idioma nativo e o que está tentando aprender, e o Mixxer encontrará parceiros com a necessidade oposta (que falam o idioma que você quer aprender e querem aprender o seu idioma).

No começo, parceiros online são de grande ajuda. Por quê? Primeiro, porque conversar é muito mais fácil do que falar, então você tem uma ótima chance de praticar seu idioma. Segundo, o chat lhe dá um relatório do que você disse — e facilita para o seu parceiro corrigi-lo.

Eu uso o Couchsurfing.org e o Meetup.com para encontrar parceiros de idioma e encontros de idioma, não importa onde eu viva. Dê uma olhada no artigo do Benny para aprender como encontrar parceiros de idiomas no Couchsurfing. Eu não recomendo o Rosetta Stone. O Rosetta Stone é incrivelmente lento. No nível 1, que leva 1~2 meses para ser completado, você só estará familiarizado com o tempo verbal presente. Não é um bom uso do seu tempo.

O plano de 90 dias para aprender um idioma

É possível chegar à fluência, ou pelo menos a um algo nível de conversação, em apenas 90 dias, mas isso requer foco intenso. A maior mudança é de mentalidade: eu tenho que alterar a concepção que tenho de eu mesmo de “Maneesh: um blogueiro que quer aprender italiano” para “Maneesh: um aprendiz de italiano (que bloga no seu tempo livre).” Se você não tem a liberdade de focar todo o seu tempo no aprendizado de um idioma, tudo bem, mas o processo será maior do que 90 dias. Apenas certifique-se de que continuará a praticar todo dia, ou o conhecimento adquirido será perdido rapidamente.

Dias 1-30

Os primeiros trinta dias são críticos para aprender um novo idioma. Você precisa pular de cabeça o quanto for possível. Eu recomendo muito ir a um país onde o idioma é falado se você quiser aprendê-lo em 90 dias. Isso o ajudará a fixar o aprendizado do idioma na sua mente e permitirá que você se veja rodeado de falantes do novo idioma. Se você puder viajar para um novo país, tente morar com uma família. Você aprenderá muito fazendo refeições com uma família que o abrigue.

De qualquer forma, durante o primeiro mês, trabalhe com seu professor em particular — não em turma. Turmas dão brecha para que você se acomode e fique preguiçoso, enquanto um professor particular o força a aprender.

Isso é importante: você precisa ser um aprendiz ativo. A maioria das pessoas se permite ser ensinada, mas você precisa tomar a iniciativa e fazer perguntas. A melhor forma de entender esse processo é através da parte em vídeo da série que fiz para complementar este post, que possui uma amostra de uma aula que tive enquanto estudava sueco, com explicações da questão que fiz durante o treinamento particular. Os vídeos, em inglês, estão aqui.

Você começará a encontrar um monte de palavras e frases que não conhece, tanto do seu professor particular, quanto quando praticar por si mesmo. Coloque essas palavras no seu software de memorização.

Você precisa começar a memorizar 30 palavras e frases por dia. Por que 30? Porque em 90 dias, você terá aprendido 80% do idioma.

Este ótimo artigo fala sobre o número de palavras no idioma russo.

As 75 palavras mais comuns formam 40% das ocorrências
As 200 palavras mais comuns formam 50% das ocorrências
As 524 palavras mais comuns formam 60% das ocorrências
As 1257 palavras mais comuns formam 70% das ocorrências 
As 2925 palavras mais comuns formam 80% das ocorrências 
As 7444 palavras mais comuns formam 90% das ocorrências 
As 13374 palavras mais comuns formam 95% das ocorrências 
As 25508 palavras mais comuns formam 99% das ocorrências

Como você pode ver, é preciso aprender cerca de 3 mil para chegar a 80% das palavras… provavelmente o bastante antes que você comece a aprender palavras facilmente pelo contexto. Com 30 palavras/dia, você terá aprendido quase 3 mil em 90 dias.

Dias 31-60

Depois do seu primeiro mês, é hora de focar em expôr-se a si mesmo ao idioma o máximo possível. Depois de um mês de aulas particulares, você conseguirá manter conversas básicas.

Se o seu professor particular pesar no bolso, é de se considerar ter aulas com grupos avançados nesse ponto — isso será uma economia e lhe dará acesso a outros amigos que também estão aprendendo o idioma. Apenas tenha cuidado para não acabar falando só em português. Tente tornar uma regra falar o máximo que puderem o idioma que estão aprendendo. E, se possível, continue com o seu professor particular.

Agora é hora de começar a busca por parceiros de idioma. Dê uma olhada no Mixxer e no Couchsurfing para encontrar pessoas que falam o idioma que você está tentando dominar. Tente gastar algumas horas por dia praticamente o novo idioma. Neste ponto, por você ter uma noção básica do idioma, isso não deve ser uma tarefa penosa — você estará basicamente gastando seu tempo socializando com novos amigos.

Tente ler livros simples no idioma em questão e sublinhe as palavras que desconhece. Você pode adicionar essas ao seu app de memorização.

Você deve começar a pensar no novo idioma. Toda vez que tentar expressar um pensamento a si mesmo, mas não se lembrar da palavra, anote-a no software de memorização. Continue aprendendo 30 palavras e frases por dia.

Dias 61-90

No 60º dia, você deverá estar bom o bastante para falar o idioma. Você precisará apenas manter a prática. Ter conversas mais profundas com seus parceiros. Continue estudando 30 palavras por dia e praticando aquelas que você já aprendeu, e você se aproximará da marca das 3 mil palavras — o suficiente para falar um idioma próximo do fluente.

Agora, você já pode começar a assistir TV e ler livros no idioma pretendido. Alugue alguns DVDs estrangeiros e tente acompanhá-los. Se preciso, ative as legendas. Não se preocupe se tiver dificuldades, porque entender um filme é bem mais difícil do que ter uma conversa cara a cara.

Continue trabalhando no novo idioma muitas horas por dia e, no fim do mês, você se verá mandando bem no idioma. É impressionante o que se pode fazer em apenas 90 dias com foco inabalável.

Fonte: Gizmodo

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: