Bing apresenta mais malware que o Google nas pesquisas

A experiência que a Google tem no campo das pesquisas e na indexação de páginas web é de longe a mais completa que existe na Internet. São eles os especialistas e os que mais sabem.

O Bing, da Microsoft, tem procurado o seu lugar no mercado dos motores de pesquisa. Ainda não conseguiu atingir o patamar pretendido, apesar de ser já melhor em certas áreas.

Uma das áreas a que estas empresas de dicam tempo é na detecção de malware e de outros perigos, para que não cheguem aos utilizadores. Um estudo apresentado vem mostrar que o Google é 5 vezes melhor que o Bing a detectar esses sites e a impedir que eles cheguem aos utilizadores.

bibg_google_1

Esse estudo, apresentado pela AV-Test, demorou 18 meses a realizar e pretendeu medir a eficácia dos motores de pesquisa em detectar páginas que continham malware e se estes eram ou não apresentados nos resultados que são mostrados aos utilizadores.

Este estudo analisou com detalhe mais de 40 milhões de sites apresentados nos resultados das pesquisas a vários motores de busca, sendo metade deles apresentado pelo Google e pelo Bing em partes iguais.

Para além desses 2 motores foram ainda avaliados os resultados de outros. Esses motores de busca são o Yandex, o Blekko, o Faroo, o Teoma e o Baidu.

O que conseguiu mostrar foi que mostrou que o motor de pesquisa da Google é melhor que o Bing a detectar páginas com malware o que o torna mais seguro para os utilizadores. O que piores resultados apresentou, de forma proporcional aos resultados analisados, foi o motor de busca Russo, o Yandex.

A imagem abaixo mostra a distribuição de páginas analisadas e a incidência de malware detectado para cada um dos motores de busca analisado.

bing_google_02

Os criadores do estudo alertam que não devem confiar cegamente nestes resultados e que se devem garantir sempre a vossa segurança, com recurso às ferramentas certas.

The infected websites mostly use malware that exploits existing security vulnerabilities in users’ software. 

These vulnerabilities normally involve outdated browsers, old add-ons or extensions and out-of-date versions of PDF readers.

Users can drastically reduce the likelihood of infection by keeping the software on their systems up to date.

They can also guarantee that they have the best possible protection by additionally using high-quality security software that is constantly updated.

Os resultados comprovam o que era esperado e que reforça o esforço que a Google aplica na qualidade do seu motor de busca, não apenas a nível da qualidade dos resultados mas também na segurança que os mesmos apresentam.

Homepage: AV-Test Study: Search Engines as Malware Providers
Homepage: AV-Test

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: