Sistema de Arquivos: Instalar o Oracle no AIX

Conclua os seguintes procedimentos antes de instalar o Oracle em um sistema AIX:

1.Efetue login no sistema AIX como raiz.

2.Assegure-se de que o sistema AIX tenha os seguintes conjuntos de arquivos instalados:
◦bos.adt.base
◦bos.adt.libm

A instalação do produto Oracle efetua links com as bibliotecas locais para criar executáveis do Oracle. Sem os conjuntos de arquivos, os links falharão e o Oracle não instalará ou executará corretamente. Você pode instalar esses conjuntos de arquivos a partir do CD de kit de ferramentas do desenvolvedor do AIX.

3.Verifique se o seu sistema corresponde ou excede os requisitos de espaço livre em disco para os seguintes diretórios:
◦/usr: 3 GB
◦/var: 300 MB
◦/tmp: 2 GB

Para AIX, o diretório de instalação padrão do Oracle é /usr.

Importante lembrar:
a.Para determinar a disponibilidade de espaço em disco, insira o seguinte comando:
df – IvkOs valores de saída estão em unidades de 1024 bytes.

b.Para alterar o tamanho dos diretórios /usr ou /var utilizando SMIT ou SMITTY, navegue pelas seguintes janelas:
Gerenciamento de Memória do Sistema -> Sistemas de Arquivos -> Incluir/Alterar/Mostrar/Excluir Sistemas de Arquivos -> Sistemas de Arquivos Registrados em Diário -> Alterar/Mostrar Características de um Sistema de Arquivos Registrados em Diário-> /usr -> TAMANHO do sistema de arquivos (em blocos de 512-bytes).

4.Crie um sistema de arquivos CD-ROM, se ainda não houver um, utilizando o utilitário SMITTY:
a.Digite $ mkdir /cdrom no console ou na linha de comandos.

b.Digite $ smitty crcdrfs no console ou na linha de comandos.

O seguinte menu é exibido:

Add a CDROM File System

Type or select values in entry fields.
Press Enter AFTER making all desired changes.
[Entry Fields]
* DEVICE name +
* MOUNT POINT []
Mount AUTOMATICALLY at system restart? no +

c.Selecione uma unidade de disco de CD-ROM pressionando F4, selecionando uma unidade

e pressionando Enter.

d.Pressione Enter novamente para criar o sistema de arquivos. Saia do SMITTY com F10 quando o comando de criação for concluído.

e.Monte o diretório de cd-rom com o seguinte comando:
mount /cdrom5.Crie pontos de montagem para utilizar com os bancos de dados do Oracle:

$ mkdir /u01
$ mkdir /u026.Defina as permissões para os pontos de montagem, a fim de permitir que a conta do usuário Oracle grave nesses pontos durante a instalação:
$ chmod 777 /u01
$ chmod 777 /u027.
Utilize o SMIT para criar dois grupos; um grupo de usuários chamado dba e um grupo de usuários chamado oper.

8.Utilize o SMIT para criar um novo usuário chamado Oracle. Conclua as etapas a seguir para a nova conta de usuário.
a.Defina o GRUPO Principal da conta como o grupo dba que você criou.
b.Defina o diretório HOME da conta como /home/oracle.
c.Defina o shell de login (PROGRAMA Inicial) como /bin/sh.

A conta Oracle executará o instalador. Essa conta deve ser utilizada apenas para instalação e manutenção do Oracle.

9.Verifique se existe o caminho de arquivo /usr/lbin e se está incluído em PATH para a conta de usuário Oracle. Esse caminho pode ser definido editando /home/oracle/.profile.

10.Crie o arquivo oratab executando o script oratab.sh, localizado no diretório orainst do CD.
$ ./oratab.sh11.Conecte-se ao sistema como o usuário Oracle:
$ su – oracle12.Exiba as definições da máscara do usuário para a conta Oracle.
$ umaskA máscara do usuário deve ser definida como 022. Se a máscara do usuário da conta não estiver definida como 022, defina-a com o seguinte comando:
$ umask 02213.Edite .profile e adicione as seguintes definições de variáveis de ambiente:
◦Oracle 8i:
ORACLE_BASE=/u01/app/oracle; export ORACLE_BASE
ORACLE_HOME=$ORACLE_BASE/product/8.1.7; export ORACLE_HOME
LIBPATH=$ORACLE_HOME/lib; export LIBPATH
LD_LIBRARY_PATH=$ORACLE_HOME/lib:$ORACLE_HOME/network/lib; export LD_LIBRARY_PATH
ORACLE_SID=or1; export ORACLE_SID
ORACLE_TERM=vt100; export ORACLE_TERM◦Oracle 9i:
ORACLE_BASE=/u01/app/oracle; export ORACLE_BASE
ORACLE_HOME=$ORACLE_BASE/product/9.2.0.0.0; export ORACLE_HOME
LIBPATH=$ORACLE_HOME/lib; export LIBPATH
LD_LIBRARY_PATH=$ORACLE_HOME/lib:$ORACLE_HOME/network/lib; export LD_LIBRARY_PATH
ORACLE_SID=or1; export ORACLE_SID
ORACLE_TERM=vt100; export ORACLE_TERMCertifique-se de que o PATH do usuário Oracle inclua $ORACLE_HOME/bin, /bin e /usr/bin. Se não estiverem incluídos, adicione-os em .profile.

14.Crie o perfil utilizando o seguinte comando:
$ . ./.profileO shell UNIX lê o perfil e inicializa ou atualiza o ambiente atual com base em valores no perfil.

15.Execute rootpre.sh, a fim de aprontar a máquina para a instalação a partir de /cdrom:
$ ./rootpre.shAgora você está pronto para começar a instalação do Oracle.

Fonte:unix-cokbook

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: